Escritura de Imóvel

A escritura de imóvel é um documento que muitos tem negligenciado, mas que é de extrema importância. Muitas pessoas acreditam que apenas um recibo ou documento simples autenticado em cartório é o suficiente para comprovar a posse de um imóvel. E é aí que as dores de cabeça começam.

Pois sem a escritura não é possível comprovar perante a lei que o indivíduo é o legitimo dono do imóvel. E isso pode trazer problemas no caso de falecimento do dono do imóvel e a consequente passagem do mesmo para herança. Mas, para entender melhor a importância desse documento, vamos primeiro explicar o que ele é. E também sanar algumas dúvidas.

O que é a escritura de imóvel?

A escritura é um documento que comprova que o dono do imóvel é seu proprietário legal. Essa escritura não substitui o documento de compra e venda. Pelo contrário, é necessário que você possua ambos. Tal documento é feito no cartório de notas, na cidade onde o imóvel se encontra.

Quanto ao seu valor, a escritura de imóvel não é um documento barato, mas, como mencionado antes, ele é importantíssimo para se precaver de eventuais problemas. E dentre os problemas, você corre o risco do antigo dono vender o imóvel para outra pessoa. Pode também perder o imóvel devido a um problema judicial. Fora outras questões como desvalorização e perder a propriedade.

Escritura de Imóvel

Auxílio de um advogado imobiliário

Uma das formas de conseguir a escritura é através do usucapião. Esse procedimento é a forma mais segura e rápida de conseguir o documento que comprove propriedade.

Para fazer o usucapião é necessário que o dono esteja a muito tempo de posso do imóvel. E esse procedimento deverá ser feito por um advogado imobiliário com especialização em usucapião.

Existem três tipos de usucapião, porém o mais simples e rápido é o usucapião extrajudicial. Esse tipo é feito no cartório onde o imóvel se encontra. E você consegue ter seu imóvel regularizado em poucos meses.

É importante relembrar que o pedido de usucapião pode ser realizado apenas por um advogado. Toda a documentação necessária para a solicitação do procedimento será informada pelo advogado. E é ele também quem fará todo o acompanhamento do processo.